sexta-feira, 23 de novembro de 2012

O que vi da vida!

O que vi da vida...
Quadro do fantástico, realidade, alienação... não sei
Mas vi muita coisa da vida, vivi uma paixão não correspondida,
telefonei pra quem não deveria, paguei mico na escola...
beijei na boca aos 17, me enganei com as pessoas, deixei de acreditar em muita coisa...
voltei a acreditar, descobri como as estrelas são bonitas, cantei num coral, descobri o sentido da palavra, grandes amigas, alias, conquistei grandes amigas, a decepção veio com algumas, outros amigos se afastaram de mim, alguns casaram, outros separaram, desacreditei no amor,
já me enfiei no trabalho, desacreditei nas pessoas, voltei a acreditar no amor e nas pessoas,
já tomei muita coca-cola, fazia caminhada as 11 da noite, nunca pulei a janela,
já pesquei um peixão, já cai na frente da todo mundo, já fui aconselhada, já dei muitos conselhos, recebi ensinamentos, passei ensinamentos, fui em baladas...não gostei, já fiz coisas que a minha mãe não aprovou, já sai de onibus só com uma mochila nas costas, já fiquei bebada...
Vivi intensamente.... comi bastante batatinha frita, tomei uisque com red bull e DESCOBRI O AMOR...
já quis terminar, não quis terminar, já chorei na escada, já me chamei de louca, amo e sou amada,
amadureci com o tempo, aprendi com meus erros, aprendi com meus acertos,
quis ser feliz, quis emagrecer, sempre quis ficar bem de biquini...
a vida vai passar...
e eu vi dela muitas coisas boas, muitas coisas ruins, descobri a desigualdade e a falsidade, descobri que nem todo mundo está disposto a ajudar, descobri que muita gente ajuda,
já corri atraz do que não sabia...
já corri atraz do futuro...
já chorei com o passado e hoje não paro de pensar no presente,
O que vi da vida?
vi amores que duram pra sempre, vi amores que decepcionam..
vi nascer uma flor entre os espinhos, vi amor entre mãe e filha...
vi o desabrochar de uma vida...
vi o fechamento de uma...
Abri portas erradas, e hoje tento abrir apenas as certas... hoje necessito abrir portas...
hoje peço que o tempo espere, que se acalme, que me espere, que me acalme,
espero que o tempo de tempo ao tempo
espero que nesse meio tempo possa ver muita coisa da vida ainda....

Até a próxima!